Jovem de 15 anos morre de Covid-19 dias antes de ser vacinada

Uma jovem britânica de 15 anos morreu vítima de Covid-19 dias antes de ser vacinada contra a doença.

Jorja Halliday testou positivo à Covid-19 depois dos sintomas daquilo que pensava ser uma gripe terem piorado, ao ponto de não conseguir comer e de os seus batimentos cardíacos terem-se multiplicado.

A menina morreu quatro dias depois de saber que estava infetada.


Jorja foi internada no Queen Alexandra Hospital, em Portsmouth, e esteve ligada a um ventilador, mas acabou por não resistir. Dados preliminares da autópsia indicam que  morreu de miocardite Covid, uma inflamação cardíaca causada pelo vírus.

A sua mãe, Tracey Halliday, conta que a jovem já tinha a sua vacinação agendada, mas que como estava obrigada a cumprir isolamento esta não lhe foi administrada.

Agora, compartilha a história da filha para incentivar outros a vacinarem-se contra o vírus mortal.

Recentes

Recomendados